Pode ser do seu interesse

Sem categoria

Smartphones Podem Estar Mudando Quando as Pessoas Sofrem Paradas Cardíacas, Diz Estudo

As manhãs de segunda-feira sempre foram a hora mais comum que as pessoas sofriam uma parada cardíaca súbita. Mas curiosamente os nossos smartphones podem estar mudando quando sofremos problemas cardíacos, de acordo com uma nova pesquisa publicada na revista Heart Rhythm.

Os co-autores do estudo analisaram 2.631 casos de parada cardíaca súbita do Oregon Sudden Unexpected Death Study para entender melhor quando uma parada cardíaca súbita é mais provável de acontecer. Parada cardíaca súbita (PCS) é um mau funcionamento elétrico inesperado do coração e difere de um ataque cardíaco, que ocorre quando a inundação do coração é bloqueada.

Historicamente, as paradas cardíacas súbitas são mais prováveis no início da manhã. Mas neste último estudo, as paradas cardíacas de manhã cedo representaram apenas 13,9%, enquanto 27,6% ocorreram de manhã e 26,9% à noite.

Uma das razões pelas quais os horários de pico para as PCS terem mudado? Nossos smartphones e nosso uso constante deles. Um dos autores do estudo, o Dr. Sumeet Chugh, professor do Price e diretor associado do Instituto do Coração e diretor do Centro de Ritmo Cardíaco no Cedars-Sinai, disse à CNN que isso pode ocorrer devido à mudança de hábitos de trabalho. “Muitas pessoas estão trabalhando o tempo todo, ou estão amarradas a um smartphone, quase a cada instante do dia, às vezes à noite”, explicou ele. “Nossa hipótese é que, na última década ou duas décadas, realmente mudamos a maneira como nos comportamos como seres humanos. Nós mudamos a maneira como trabalhamos. Estamos constantemente conectados.”

Estudos dessa natureza causam impacto na saúde pública, pois os serviços médicos de emergência, incluindo os socorristas e as salas de emergência do hospital, geralmente baseiam a disponibilidade de funcionários nesse tipo de dados de pesquisa. Os Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) estimam que 70-90% dos indivíduos que sofrem parada cardíaca morrem antes de chegar ao hospital.

Você imaginava que o uso de smartphones poderia ter um impacto tão diferente como esse na saúde das pessoas? O que acha dessa curiosa relação? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading…

Natália Oliveira

Natália Oliveira, apaixonada pelo universo Fitness feminino e toda magia que envolve "SER MULHER". Secretária Executiva, esposa e empreendedora digital.

Smartphones Podem Estar Mudando Quando as Pessoas Sofrem Paradas Cardíacas, Diz Estudo - Posts relacionados