Pode ser do seu interesse

Sem categoria

Como Fazer uma Horta em Casa – 8 Passos e Cuidados    

Que tal usar nas suas refeições alguns alimentos da sua própria horta? Pois é, fazer uma horta em casa e ter disponível hortaliças e verduras à disposição não é difícil, como muitos pensam. Você pode fazer uma horta no quintal e até uma horta no apartamento, considerando que existem alternativas para poucos espaços.

Para te ajudar e tornar o processo bem sucedido, abordaremos aqui alguns passos importantes e cuidados necessários para quem busca como fazer uma horta em casa.

Vantagens de ter uma horta em casa

Ter uma horta em casa traz muitas vantagens para a saúde e também para o meio ambiente, sem contar que você pode descobrir um novo hobby que pode envolver toda a família. Confira algumas vantagens de cultivar a sua própria horta.

– Economia

Ter disponíveis alguns alimentos na sua própria casa evita que você tenha que realizar visitas aos supermercados, hortifrutis e feiras. Você economizará tempo e dinheiro – é claro que haverá um investimento inicial com sementes e suprimentos, mas uma única planta geralmente produz muitos produtos, permitindo uma economia no longo prazo.

– Impulsiona a saúde da sua família

Ter a facilidade de comer mais alimentos frescos é uma forma de se manter saudável. Quando você tem uma horta em casa, a disponibilidade do alimento é fácil, pois você não precisará sair para comprar e os nutrientes estarão em seus níveis mais altos, porque o alimento é colhido na hora.

Journal of American Dietetic Association publicou um estudo mostrando que crianças em idade escolar que recebiam produtos caseiros tinham duas vezes mais chances de comer cinco porções de frutas e verduras por dia do que as crianças que raramente ou nunca comiam produtos caseiros.

– Controle

Ter o conhecimento sobre os produtos químicos e outros utilizados durante o processo de crescimento dos produtos na horta te proporciona um maior controle do que você e sua família estão ingerindo. Uma horta em casa te permite cultivar um produto orgânico, ou seja, livre de pesticidas, e colher apenas quando estiver completamente maduro e pronto para consumo, fato que não acontece com alguns alimentos comercializados.

O sabor e a qualidade dos produtos recém-colhidos de uma horta são superiores aos produtos comprados, que provavelmente foram colhidos há vários dias ou semanas antes de chegarem até você.

– Impacto ambiental

Uma horta em casa pode impactar o meio ambiente de forma positiva. Primeiro, porque ela te possibilita reciclar alguns resíduos como fertilizante para impulsionar o crescimento. Segundo, que diminui ou evita completamente o uso de produtos químicos, colaborando com a redução da poluição e contaminação da água proveniente das suas atividades de jardinagem.

– Prazer

Fazer e cuidar de uma horta pode ser prazeroso e um lazer que envolve toda a família. Plantar, observar seu crescimento e comer produtos cultivados por você e sua família pode ser muito gratificante. Sem contar que muitas pessoas definem essa atividade como relaxante e capaz de aliviar o estresse, o que beneficia a saúde de várias formas. Ela também possibilita uma forma de exercício moderado.

Como fazer uma horta em casa – 8 passos

Uma horta pode ser feita no seu jardim, se você tem bastante espaço, ou no seu quintal e apartamento, considerando que muitas pessoas moram nos grandes centros urbanos. O processo não é difícil, mas requer alguns cuidados para que o cultivo seja bem sucedido.

1. Avalie a luz solar

Observe os espaços que você tem disponível para fazer a sua horta e analise como é a luz solar durante todo o dia. Isso é importante porque o principal ingrediente para o cultivo é a luz solar e cada planta irá converter essa energia em nutrientes, através de suas folhas e frutos.

Sendo assim, observe por quantas horas o sol atinge o seu jardim, ou em espaços reduzidos qual é o ambiente ou parede que recebe o máximo de luz do nascer ao pôr do sol. Também considere que sua horta não precisa necessariamente estar na cozinha, ela pode ser feita em uma varanda ou em uma grade de janela e até mesmo na sala de estar. Caso você esteja em um ambiente pequeno que tenha apenas uma parede que receba sol durante o dia, você pode considerar uma horta vertical.

2. Escolha o local

Quando pensamos como fazer uma horta em casa, visualizamos uma série de fileiras de plantação no jardim. Embora o formato seja eficiente em fazendas, pode não ser a melhor opção para um quintal, pois no jardim quanto menos linhas você tiver, mais espaço quadrado terá disponível para o cultivo.

Já para os ambientes menores, você pode plantar as suas verduras, legumes e frutas em vasos, garrafa pet, potes metálicos, cerâmicos ou de madeira. Escolha o melhor e mais acessível para você, mas garanta que eles sejam furados para permitir a saída da água. Eles podem ficar pendurados nas paredes, no chão ou no parapeito da janela.

3. Mantenha uma fonte de água acessível

Uma horta precisa de água, então escolher um lugar que tenha fácil acesso a fontes de água vai ajudar a fornecer a irrigação necessária para o crescimento.

4. Prepare o solo

Se você já sabe qual será o local da sua horta, os recipientes e também o que vai plantar, chegou a hora de escolher a melhor terra, pois ela é fundamental para o crescimento saudável do que será plantado.

Atualmente muitos preparos prontos são vendidos e você encontra facilmente em lojas de produtos especializados, hipermercados e até pela internet. No entanto, se você tiver o auxilio de um profissional especializado, sem dúvida terá mais recursos para fazer a melhor escolha.

Uma dica é comprar uma terra que permita que a água penetre e que não fique retida. Esse é um cuidado importante, pois o excesso de água pode apodrecer as raízes e matar a plantação. Também tenha em mãos um fertilizante orgânico para acrescentar na terra mensalmente.

Se você vai fazer a horta em um jardim, será necessário retirar toda a grama, escavar o solo e adicionar a terra apropriada e na quantidade adequada para permitir o crescimento.

5. Escolha suas sementes

Se a sua opção for plantar ervas, é importante saber que elas precisam de 2 a 4 horas de luz solar direta, e os vegetais precisam de pelo menos 4 a 6 horas, por esse motivo é preciso entender a quantidade de sol que sua horta receberá para definir o que poderá ser cultivado. Na hora de comprar, leia atentamente os rótulos ou fale com um profissional especializado para entender quantas horas de sol são necessárias para as sementes que você escolheu crescerem de forma saudável. Além disso, respeite os espaços que cada semente precisa para crescer, pois uma plantação “espremida” pode apodrecer ou dividir possíveis pragas.

6. Entenda a temporada

Alguns alimentos crescem no calor, enquanto outros se desenvolvem melhor no frio. Para saber como fazer uma horta em casa, você precisa entender se a sua escolha combinará com a estação atual para que os esforços não sejam em vão.

7. Comece com poucos itens

Escolha o que você gostaria de cultivar, mas comece com um ou dois itens, para entender a demanda de cuidados. Boas opções são: hortelã, manjericão, tomate, alface, espinafre, salsa, coentro e cebolinha.

Você também pode comprar uma muda, isso adiantará várias semanas de crescimento.

8. Faça um acompanhamento frequente

Faça uma visita diária, pois as hortas precisam de cuidados regulares. Reserve algum tempo para visitar seu jardim ou o local em que a horta está para analisar se está tudo certo. Quando os alimentos estiverem maduros e prontos, faça a sua colheita. Dependendo do que plantar, você pode congelar para ter o alimento disponível.

Cuidados

Saber como fazer uma horta em casa horta exige cuidados constantes a partir do momento que as sementes são plantadas. Essa etapa é essencial para que você faça uma colheita de qualidade.

  1. Preste atenção em ervas daninhas: A presença de ervas daninhas é prejudicial, pois elas costumam “sufocar” plantações pequenas e extrair nutrientes de plantas maiores. Sempre que perceber a presença delas, retire. A melhor maneira de remover é cortar o topo da erva no nível do solo, e pode ser preciso repetir isso várias vezes, até que ela morra.
  2. Cuide das pragas: As hortas são atacadas por todos os tipos de pragas, mas nem todas são ruins. Embora seja um recurso, evite pesticidas sempre que possível, pois eles matam também alguns insetos como abelhas e joaninhas, que contribuem de forma positiva.
  3. Alimente suas plantas: Os fertilizantes são ótimas opções para alimentar as plantas, mas não use em excesso. Leia sempre as instruções e aplique conforme recomendado, e se sua horta estiver em um local aberto, não aplique antes de chuvas fortes, considerando que ela irá eliminá-los antes que a terra absorva.
  4. Acrescente coberturas orgânicas e inorgânicas: Elas ajudam a melhorar a textura do solo e ajudam a controlar a presença de ervas daninhas. Existem muitos tipos de cobertura disponíveis para a venda e você pode escolher aquela que atende melhor a sua necessidade e o seu tipo de horta. Porém, é preciso ter cuidado ao aplicar para não danificar as suas plantas vegetais no processo.
  5. Use suportes e “acessórios” para facilitar o crescimento: Alguns vegetais, como o tomate, por exemplo, precisam de um apoio extra para crescer bem. Usar “estacas” ou treliças pode ajudar as plantas a crescerem altas e fortes, e caso elas estejam plantadas em vasos e outros recipientes menores, use palitos de churrasco para oferecer esse suporte.
  6. Irrigação: A sua horta precisará de água para sobreviver. Se ela estiver em um local aberto, pode receber chuva, mas vale considerar que pode não ser suficiente. Já uma horta no apartamento, feita em lugares fechados, dependerá totalmente da irrigação. No entanto, é preciso estar atento à quantidade de água, pois o excesso pode encharcar o solo e matar o que estiver plantado por lá. Procure conhecer a necessidade individual de cada item que plantou, pois alguns precisam de água diariamente, enquanto outros não.

Sugestões para começar a sua horta em casa

Você deve começar a sua horta devagar, e de preferência com opções que precisam de um nível baixo de manutenção, pois dessa forma você ganhará mais experiência para as próximas plantações. Uma boa ideia é começar pelas ervas, então veja abaixo algumas dicas e também como cultivar.

1. Manjericão

O manjericão é o principal ingrediente do pesto e é muito fácil de cultivar. Costuma prosperar em jardins ou vasos e outros recipientes, desde que tenha um solo adequado.

  • Luz solar: Para crescer, o manjericão precisa de no mínimo seis horas de luz solar por dia e não é tolerante ao frio, então uma dica é deixar dentro de casa (se possível) quando a temperatura estiver mais baixa.
  • Água: Não precisa ser regado diariamente, inclusive você pode deixar o solo secar ligeiramente para molhar a planta.
  • Colheita: Colha as folhas de manjericão regularmente, pois assim você impulsionará o seu crescimento.

2. Cebolinha

A cebolinha é uma erva que brota facilmente em jardim e também nas hortas dentro de casa. Seu crescimento pode demorar um pouco se for plantada a partir de sementes, então você pode comprar uma “muda” para acelerar o processo. Ela chega a ter 10 a 12 centímetros de altura.

  • Luz solar: Deixe a cebolinha receber o máximo de sol possível.
  • Água: Mantenha o solo sempre úmido, não deixe secar.
  • Colheita: Quando as plantas atingirem aproximadamente 6 centímetros de altura, você pode começar a cortar 5 centímetros  para consumir, e a poda vai estimular o seu crescimento. No entanto não corte na raiz, deixe 1 centímetro para que ela continue crescendo.

3. Hortelã

Hortelã é uma erva ótima para que faz horta no apartamento. 

  • Luz solar: Deixar a hortelã para receber o sol da manhã no batente da janela, mas ela pode tolerar também alguns períodos de sombra.
  • Água: A hortelã gosta de muita umidade, então não deixe secar.
  • Colheita: Apare regularmente as folhas que crescerem, pois assim você estimulará a produção.

4. Orégano

Orégano gosta muito de calor e sol. Ele se desenvolverá bem no jardim, em varanda ou outro local que esteja ensolarado. O orégano grego é o melhor para uso culinário e também o mais fácil de cultivar, especialmente dentro de casa. 

  • Luz solar: A recomendação é que o orégano receba entre seis e oito horas de luz solar. Quanto mais sol o orégano recebe, mais profundo é o seu sabor.
  • Água: Faça uma rega completa quando o solo estiver seco ao toque.
  • Colheita: Colha quando a planta estiver com pelo menos 10 cm de altura.

5. Salsa

A salsa é um “coringa” para as receitas, mas a sua produção é lenta e você precisa evitar colher muitos “ramos” ao mesmo tempo.

  • Luz solar: A salsa não requer muita luz, isso significa que ela crescerá bem em ambientes ensolarados e também nas áreas de sombra.
  • Água: Salsa gosta de solo úmido, então não deixe a terra secar.
  • Colheita: Sempre que for colher alguns galhos, prefira os que estão do lado de fora da plantação.

6. Alecrim

O alecrim solta seu cheiro de pinho quando o sol bate, então para aproveitar o seu aroma você pode deixa-lo na sua varanda. Ele cresce muito bem em vasos também.

  • Luz solar: O alecrim gosta de bastante sol e precisa de seis a oito horas de luz solar por dia para prosperar dentro de casa.
  • Água: Não existe problema em deixar a terra secar entre uma rega e outra, pois ele não gosta muito de água.
  • Colheita: Quando o alecrim começar a crescer, apare aproximadamente 10 centímetros dos talos para promover o crescimento.

7. Tomilho

O tomilho é uma erva aromática que cresce de forma semelhante à hortelã e ao alecrim. Seu cultivo pode ser feito com facilidade em um vaso ou recipiente.

  • Luz solar: O tomilho requer muita luz, então permita que ele fique ao ar livre ou em um local onde ele receba bastante sol.
  • Água: Tomilho não gosta de muita água, então você não precisa se preocupar em regar todos os dias.
  • Colheita: O tomilho precisa de podas regulares para estimular o crescimento. 

Pode ser muito mais fácil do que você imagina aprender como fazer uma horta em casa, mesmo que esteja em um local com pouco espaço. Além disso, você também pode descobrir que plantar e colher suas próprias ervas, frutas e vegetais pode ser uma atividade que alivia o seu estresse, reúne a família e permite ter alimentos mais nutritivos nas suas refeições.

Referências adicionais:

Você procura como fazer uma horta em casa ou no apartamento? Pretende cultivar quais tipos de ervas e vegetais em sua horta? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading…

Natália Oliveira

Natália Oliveira, apaixonada pelo universo Fitness feminino e toda magia que envolve "SER MULHER". Secretária Executiva, esposa e empreendedora digital.

Como Fazer uma Horta em Casa – 8 Passos e Cuidados     - Posts relacionados